Agrupamento D. Dinis 2003

A constituição

O Agrupamento de Escolas D. Dinis insere-se predominantemente na área urbana de Leiria, abrangendo as freguesias de Leiria e da Barosa. De acordo com o mapa de Ordenamento da Rede Educativa de 2003/2004, ficou constituído pela Escola Básica 2,3 D. Dinis (escola-sede), por seis escolas do primeiro ciclo (Branca, Amarela, Guimarota, Capuchos, Arrabalde e Barosa) e por três jardins-de-infância (Capuchos, Guimarota e Barosa). Resultou da fusão do anteriormente criado Agrupamento Horizontal de Leiria e Barosa com a Escola D. Dinis tornada obrigatória pelo Despacho n.º 13 313/2003 do Secretário de Estado da Administração Educativa.

O logótipo (2003)

Com a entrada em funcionamento do novo agrupamento, surgiu a necessidade de criar um novo logótipo. A solução encontrada pela equipa directiva de então foi a mais rápida possível: juntaram num só o símbolo anterior da escola-sede com o do extinto agrupamento horizontal. Assim se fez e assim ficou.

O processo de instalação

O processo de formação, após uma primeira tentativa falhada de eleição de uma Comissão Executiva Instaladora em Julho de 2003, teve o seu início com a designação pela Direcção Regional de uma Comissão Provisória constituída por três professores que tomaram posse a 1 de Setembro de 2003. A Assembleia Constituinte foi eleita a 19 de Novembro de 2003 e teve como finalidade principal a elaboração do primeiro regulamento interno. A nova Assembleia do Agrupamento, formada já com o regulamento interno em vigor, teve a sua primeira reunião no dia 6 de Maio de 2004 tendo sido eleita para presidente a docente Maria Luísa Nogueira Ferreira Ribeiro. A eleição para o primeiro Conselho Executivo teve lugar no dia 26 de Maio de 2004 tendo sido eleita a lista B constituída pela presidente Graça Maria Pereira Sampaio Fernandes e pelos vice-presidentes João Pedro Melo da Bernarda, Cristina Maria Cardoso Mota e Margarida Rosa Tomé Neto. A 25 de Maio de 2007, o Conselho Executivo viu renovado o seu mandato com a realização de eleições a que, mais uma vez, concorreram duas listas. Tomaria posse perante a Assembleia do Agrupamento a 18 do mês seguinte.

Uma nova estrutura de gestão

Com a entrada em vigor do Decreto-Lei n.º 75/2008, toda a estrutura de gestão teve de ser de novo reformulada. Com eleições realizadas a 23 de Setembro de 2008, começou por ser formado o Conselho Geral Transitório que viria a aprovar um novo regulamento interno e proceder à eleição do director do agrupamento. Foi presidido pela docente Ana Paula Esteves dos Santos. A 29 de Maio de 2009, foi então escolhido o primeiro director, o docente Fernando António Ferreira Duarte Cadima. Após um processo atribulado, acabou por tomar posse apenas a 18 de Março do ano seguinte, agora já perante o Conselho Geral formado dois meses antes e presidido pela docente Maria do Rosário Cordeiro Baptista Selada.

Em 2012 a presidente do Conselho Geral reformou-se e foi substituída no cargo pela docente Maria Albertina Nunes Simões Raposo até março de 2014, altura em que foi eleito um novo Conselho Geral que passou a ser presidido pela docente Nídia Maria Carreiro Baptista Moura, em 2 de abril de 2014. Este Conselho elegeu como a diretora do agrupamento a docente Maria Madalena Pereira da Conceição da Costa, que tomou posse a 13 de maio de 2014, para cumprir um mandato até 2018. Em janeiro de 2018 a decisão do Conselho Geral não foi favorável à possibilidade de recondução da diretora no seu cargo, tendo-se dado início ao processo de eleições, tanto do próprio orgão em si, como para a escolha de um novo diretor.

O novo Conselho Geral tomou posse a 19 de abril de 2018 e a 26 de abril foi eleita para o cargo de presidente do mesmo a docente Dalila Maria Gomes de Sousa Moreira Almeida. Por unanimidade, a 12 de junho de 2018, foi eleito diretor do agrupamento o docente Jorge Filipe Bandeiras de Oliveira Camponês, tendo tomado posse no dia 28 desse mesmo mês.

Distinção em 2019

Por comunicação do Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Leiria, Dr. Raul Castro, foi atribuída a Medalha de Mérito Municipal Grau Prata ao Agrupamento de Escolas D. Dinis, pelos serviços relevantes prestados à comunidade. Esta distinção foi entregue nas comemorações do Dia do Município, 22 de maio de 2019, no Teatro José Lúcio da Silva, ao Diretor do Agrupamento, professor Jorge Filipe Camponês.